Oficinas - Gastronomia

As Oficinas de Gastronomia, com chefs locais, de Goiânia e de Brasília, acontecerão diariamente, das 10h às 13h, na Vila de São Jorge e contarão com no máximo 20 participantes. O objetivo é que cada Chef convidado ensine aos participantes uma receita agregando ingredientes tradicionais ou típicos da região do Cerrado. Ao final de cada oficina acontecerá uma degustação do prato que foi ensinado.

Para cada oficina foram separadas 10 vagas para inscrição online. Faça a sua enviando nome, idade, profissão, telefone e oficina desejada para o email secretaria@encontrodeculturas.com.br.

Veja a programação:

23 de julho

Petiscando: Cervejas e petiscos com um toque de Cerrado
Com Hilmar Castelo Branco Raposo e Luis Hernández

Sobre os Chefs
- Hilmar Castelo Branco Raposo: Cervejeiro artesanal
- Luis Hernández: Chef de cozinha

24 de julho

Pães Artesanais – Buriti, Ora-pro-nobis e Abóbora
Com Dionise

Sobre a Chef:
- Dionise: Chef da Pousada Cristal da Terra em São Jorge, faz as delícias servidas no café da manha da pousada

25 de julho

Culinária Criativa - Sabji de vegetais (com vegetais produzidos na região) e Bolinhos de mandioca com tomates secos
Com Ana Maria Campos Caminha

Sobre a Chef:
Ana Maria Campos Caminha: Chef de cozinha vegetariana, proprietária do Restaurante Goya Culinária Criativa (Alto Paraíso de Goiás)

26 de julho

"Assuntos Guariróbicos" com 4 receitas tendo a guariroba como ingrediente principal, sendo preparações diversas como entradas, acompanhamentos e prato principal.
Com Emiliana de Azambuja Melo e Humberto Marra

Sobre os Chefs:
- Emiliana de Azambuja Melo - Atua há 17 anos no mercado gastronômico de forma totalmente emocional. Formou-se no Senac de Águas de São Pedro (SP) em 1997 depois de 2 anos de aprendizado e dedicação com mestres e chefs do The Culinary Institute Of América, estágios e especializações em centros gastronômicos do Brasil e da Europa . Fundou em 1998 o Atelier Gastronômico (Goiânia) que funciona até hoje apresentando e evidenciando a alta gastronomia em eventos da cidade. Foi chef do Ano pela revista Veja Goiânia em 2007. Possui, como consultora gastronômica, uma cartela de dezenas de estabelecimentos em todo pais, e tem participação presente e pioneira nos festivais gastronômicos em todo estado de Goiás e Brasil afora. Ganhou medalha de prata em 2009 no último Global Chefs América. É proprietária do “EMI
Cozinha Emocional” (Goiânia) destaque na cena gastronômica da cidade.
- Humberto Marra - Há 16 anos pesquisa e desenvolve a culinária internacional afinada com ingredientes e tradições locais. Geógrafo de formação Humberto passou pela Peter Kump’s Cooking School (NY) e o Kookstudio (Amesterdã). Trabalhou em Boston, Florianópolis e São Paulo. Orientou o planejamento, implementação e reestruturação de mais de 30 restaurantes, cafés e cozinhas industriais.

27 de julho

Agrofloresta no Prato – Pizza Florestal e diversos recheios
Com Muskan

Sobre a Chef:
Muskan - Filha de libaneses e moradora de Alto Paraíso de Goiás, insere princípios da culinária de seus ancestrais à culinária vegetariana, priorizando produtos integrais e orgânicos. Trabalha com culinária vegetariana há 30 anos, pesquisando e criando pratos com produtos regionais, valorizando a cultura e saberes locais. Trabalha com Agrofloresta desde 2000, acompanhando implantações de SAFs (Sistemas Agro Florestais), coordenando cursos e criando cardápios com princípios de aproveitamento dos alimentos gerados na implantação das Agroflorestas.

28 de julho

Fogão e Viola - Arroz Árabe com Pequi
Com Isaac Elias

Sobre o Chef:
Isaac Elias - É músico e atua na área de gastronomia há 25 anos. Atualmenteé sócio-proprietário do Restaurante Marzuk (Brasília), que este ano concorre ao Prêmio Veja Gourmet (categoria Comida Árabe).

29 de julho

Simplesmente Gourmet - Comida vegetariana brasileira contemporânea de baixo custo - Moqueca de abobrinha, castanha de caju crua, fruto de pupunha e leite de coco fresco com Andrea Varjão e harmonização de pratos
Com o sommelier Rafael Sá da Casa Valduga

Sobre a Chef:
Andrea Varjão - Tudo começou em casa. O descobrimento dos sabores, odores e a curiosidade nas diversas culturas e suas comidas típicas. Natural do Rio Grande do Sul, desde os 3 anos gostava de observar sua mãe na cozinha e, nas feiras das várias cidades que morou, conhecer os alimentos e sua origem. Após ter tomado gosto pelo ramo, se especializou no IESB e construiu um extenso currículo em consultoria e
personalização de cardápios e ambientes como o restaurante Dona Lenha, a padaria La Boulangerie em Brasília e a pousada Baguá em São Jorge, além de escrever para a revista WFrade.
Sobre o Sommelier:
Rafael Sá – Foi considerado o sommelier mais jovem de Brasília pelo Correio Braziliense em 2006. Hoje está com 25 anos é nascido em São Paulo e residente em Brasília-DF. Sommelier durante 01 ano da Super Adega Atacadista, maior adega do centro-oeste. Sommelier, Consultor e atual instrutor dos cursos de Vinhos da SBAV (Sociedade Brasileira dos Amigos do Vinho). Diplomado Sommelier Internacional formado pela F.I.S.A.R. - Federazione Italiana Sommelier Albergatori i Ristoratori - Torino/Itália. Um dentre os 32 no Brasil que tem o diploma nível-3 da WSET - Londres (Wine Spirits Education Trust). Conhece mais de 20 vinícolas no Brasil e no Exterior. Hoje é consultor de vendas, palestrante e representante exclusivo oficial de inúmeras vinícolas nacionais e importadoras dentro do DF.

30 de julho

Os Sabores que faltavam: as contribuições do Cerrado à Cozinha Contemporânea
Com Luis Hernández, Lucas Arteaga e Mariel Marti

Sobre os Chefs:
Luis Hernández - Chef do Chus Tapicos Bar em Brasília
Lucas Arteaga - Professor de gastronomia do IESB, chef do Patú Anú em Brasília
Mariel Marti - Professora de gastronomia do IESB, confeiteira