17 de julho a 01 de agosto de 2015

vila de são jorge . alto paraíso de goiás

Oficinas

Unir técnicas diferentes de cultivo, artesanato, música e transformar tudo isso em maneiras de subsistência e resistência são os caminhos que encontramos para fortalecer a singularidade deste país, que tem em cada canto uma forma diferente de produzir riqueza e cultura.  Economia criativa é, antes mesmo de entenderem o termo, o que nossa gente faz de melhor. Sendo assim, difundir esse saberes é para nós plantar sementes que possibilitem qualidade de vida de modo sustentável e responsável.

Assim como nas trocas culturais das vivências étnicas, a proposta das oficinas é colocar o público em contato com os ofícios e a expressiva arte dos mestres da cultura tradicional e popular, seja por meio da música, dança, confecção de instrumentos e terapias.  São nesses espaços de construção coletiva de saberes, que acreditamos garantir a sobrevivência de estilos de vida e costumes de culturas tradicionais marginalizadas e pouco difundidas no país. Daí, a diversidade nas propostas de oficinas.

Durante o evento são oferecidas diversas oficinas. Além das oficinas voltadas à produção e promoção cultural, este ano, o Sebrae desenvolve a Feira de Experiências Sustentáveis em parceria com a organização do encontro  e realiza também, oficinas diversas ligadas  as iniciativas e produtos expostos na feira.



 

A Vila de São Jorge




Encontro de Culturas Tradicionais da Chapada dos Veadeiros é um projeto da Casa de Cultura Cavaleiro de Jorge.
A reprodução do conteúdo é permitida desde que citada a fonte e os créditos dos fotógrafos.